quarta-feira, 10 de maio de 2017

As Novas Colheitas da Quinta das Carvalhas num Almoço 100 Maneiras

A mais emblemática propriedade da Real Companhia Velha está situada na margem esquerda do Rio Douro, junto ao Pinhão, e é aqui que estão as vinhas que dão origem aos topos de gama desta casa. A Quinta das Carvalhas conta com quatro vinhos de excepcional qualidade nascidos sob a batuta do Enólogo Jorge Moreira: o Carvalhas branco, o Carvalhas Vinhas Velhas e Tinta Francisca Tinto e o recém chegado Carvalhas Touriga Nacional.
As novas colheitas dos primeiros três e a novidade touriga nacional foram assim apresentados à prova, numa primeira fase sozinhos, e depois em companhia dos pratos idealizados pelo Chef Ljubomir Stanisic no Bistrô 100 Maneiras.

Antes da prova lugar a algumas palavras dos protagonista principais como o Enólogo Jorge Moreira e Pedro Silva Reis. Mais uma vez mais, Álvaro Martinho arrebatou a atenção dos presentes com a sua paixão a fazer-se sentir nas suas palavras. Começou a medo, mas em poucos segundos a forma apaixonada como sente as Carvalhas veio ao de cima

CARVALHAS 2015 BRANCO | DOURO | 13% | PVP 23€
VIOSINHO, GOUVEIO
REAL COMPANHIA VELHA
17
Cor amarelo citrino, tonalidades jovens, limpo e brilhante. No nariz as notas de fruta de caroço, alperce, ameixa amarela, floral em equilíbrio, barrica já muito bem ligada, leves tostados, com traço mineral, fresco. Boca com volume, acidez acutilante, travo a pêssego, alperce frescos, com envolvência de boca, muita frescura e equilíbrio. Final de boca longo.
À mesa fez ligação com o Camarão Sob Pressão. Sem medo da especiaria e do molho de mostarda.

CARVALHAS TINTA FRANCISCO 2013 TINTO | DOURO | 13,5% | PVP 38€
TINTA FRANCISCA
REAL COMPANHIA VELHA
18
Cor vermelho, mais aberto, média intensidade, aspecto jovem, bonito e cativante. No nariz cativa em primeiro lugar a frescura com com a notas de fruta vermelha e preta nos chega, muito bonita, elegante, com algumas notas de bosque a aparecer, alguma turfa e, repito, frescura notável. Na boca continua com intensidade, tanino marcado, a fincar pé, cheio de estrutura, com a fruta fresca a dar um lado veraniano, intenso e longo no final. Continuo a gsotar muito do perfil deste vinho.
O Prato Pregar na Nossa Freguesia, em camadas género lasanha, fez harmonização bem conseguida.

CARVALHAS TOURIGA NACIONAL 2014 TINTO | DOURO | 13,5% | PVP 38€
TOURIGA NACIONAL
REAL COMPANHIA VELHA
18
Cor rubi vermelhão de média concentração, mais escuro no núcleo, aspecto límpido. Aromaticamente muito delicado e elegante, fino, mostrando a fruta vermelha, as notas de violetas e um lado citrino, de bergamota, que lhe dá uma frescura e intensidade fora da caixa. Acidez vivaz de boca, com volume, mosdiscável, complexo, com tanino ainda com tempo pela frente, fresco, uma nota de chá preto no final, a amargar um pouco e final de boca longo e persistente.
Casou com um tártaro que acabou por o não ser. O Já Foste, Tártaro trouxe-lhe mais amplitude e envolvência.

CARVALHAS VINHAS VELHAS 2014 TINTO | DOURO | 14% | PVP 50€
VINHAS VELHAS
REAL COMPANHIA VELHA
17,5
Cor rubi intenso, média concentração, aspecto límpido. No nariz destacam-se as notas de fruta vermelha e preta, leve bergamota, com as notas de barrica a ligar ao conjunto, baunilha discreta, especiarias e herbáceo fresco. Boca firme, com grandr estrutura e volume, concentração, a secar o palato, tanino macio, fruta vermelha e preta fresca, especiado, vegetal da giesta, integrado e equilibrado. Final de boca longo. É um vinho ainda a crescer. Vou esperar por ele.
Quanto à ligação à comida, na minha opinião a menos conseguida, embora o desafio tenha sido audaz. A Couve Em Flor mostrou-se bem, mas a precisar de algo mais para ser conseguida.

MAIS VALE TARDE DO QUE NUNCA 2013 BRANCO LATE HARVEST | DOURO | 12,5% | PVP €
SEMILLON
COMPANHIA GERAL DA AGRICULTURA DAS VINHAS DO ALTO DOURO, SA
17
Cor âmbar jovem, dourados limpos, aspecto limpo. No nariz revela notas de pêssego passa, melaço, açúcar de mel, uva passa, sensação doce. Na boca mostra doçura inicial, bem temperada com uma acidez citrina, refrescante, alguma leveza e untuosidade, com frescura, num perfil mais limonado. Trata-se um perfil pretendido e desenhado para o restaurante. Apenas 800 litros que vão deixar saudades.
Surpreendeu logo no inicio da refeição quando apareceu lado a lado com um improvável prato de vários legumes com diversos estados de fermentação, forte de apimentados e de vinagre pickle. Este A Fermentar estava apenas e só brutal.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails